Pesquisar este blog

terça-feira, 26 de novembro de 2013

CONFRARIA VINUS VIVUS - 81ª REUNIÃO

Por problemas de agenda dos seus integrantes, a Confraria Vinus Vivus não conseguiu se reunir no mês de outubro, realizando sua 81ª reunião no dia 04 de novembro de 2013. Mais uma vez o encontro foi na residência de Vera. Aproveitando a viagem que fizemos à Itália, Vera comprou uma trufa branca para nosso jantar pós degustação dos vinhos tintos italianos do Piemonte, justamente a região onde se encontra esta iguaria gastronômica. A trufa foi adquirida com o dinheiro disponível da confraria, custando € 108. Para surpresa de todos, inclusive da dona da casa, a noite não teve uma sessão exclusiva de degustação. Marcos resolveu fazer uma prova em jantar harmonizado. Ele levou apenas um espumante e três vinhos, o que frustrou todos os integrantes da Vinus Vivus. Vamos aos vinhos da noite, que foi recheada de casos contados por Vera, Cláudia e Leo S sobre a viagem de férias ao Piemonte, bem como sobre o estresse de como passar com a trufa branca pela alfândega brasileira. O confrade André não pode se fazer presente, o que possibilitou a Felipe participar, mais uma vez no ano, de uma reunião da confraria. Os itens cor, aroma e boca, sempre discutidos em nossas reuniões, não foram destacados desta vez.

Vinho 1 (espumante) – Cuvée Bella Vista Franciacorta


Safra: sem safra.
Álcool: 12,5%.
Casta: pinot nero e chardonnay.
Produtor: Franciacorta.
Região: Brescia, Lombardia, Itália.
Importador: World Wine (Art du Vin).
Valor: R$ 230,00.
Harmonização no jantar: cappuccino de funghi, manteiga trufada e perlage di tartufo nero. Esta entrada estava divina.
Observação: não entrou na votação do melhor da noite.


Vinho 2 – Travaglini Gattinara Riserva


Safra: 2006.
Álcool: 13,5%.
Casta: 100% nebbiolo.
Produtor: Travaglini Giancarlo.
Região: Gattinara, Piemonte, Itália (DOCG).
Importador: World Wine (Art du Vin).
Valor: R$ 260,00.
Estágio: 30 meses em barricas de carvalho esloveno, sendo 20% em grandes pipas (2 mil litros) e mais 12 meses em garrafas.
Harmonização no jantar: massa com manteiga e lascas de trufa branca ralada na hora pernil de porco assado, acompanhado por batatas coradas e farofa de couscous. Este vinho foi o preferido para acompanhar a massa trufada.


Vinho 3 – Bruno Roca Barbaresco Rabajà

Safra: 2008.
Álcool: 14,5%.
Casta: 100% nebbiolo.
Produtor: Azienda Agricola Rabajà di Rocca Bruno.
Região: Barbaresco, Piemonte, Itália (DOCG).
Importador: World Wine (Art du Vin).
Valor: R$ 526,00.
Estágio: 30 meses em barricas de carvalho e mais 12 meses em garrafas.
Harmonização no jantar: massa com manteiga e lascas de trufa branca ralada na hora pernil de porco assado, acompanhado por batatas coradas e farofa de couscousHouve uma divisão entre os confrades na melhor harmonização com a carne de porco. Leo S, Vera, Fernanda, Cláudia e Felipe preferiram este vinho.


Vinho 4 – Pio Cesare Barolo


Safra: 2006.
Álcool: 14,5%.
Casta: 100% nebbiolo.
Produtor: Pio Cesare.
Região: Barolo, Piemonte, Itália (DOCG).
Importador: Decanter.
Valor: R$ 630,00.
Estágio: 36 meses em barricas, sendo 70% em carvalho allier e 30% em grandes tonéis, e mais 12 meses em garrafas.
Harmonização no jantar: massa com manteiga e lascas de trufa branca ralada na hora pernil de porco assado, acompanhado por batatas coradas e farofa de couscous. Houve uma divisão entre os confrades na melhor harmonização com a carne de porco. Marcos, Leo L, Abílio, Bruno e Keller preferiram este vinho.
Observação: vinho elaborado com uvas do vinhedo de Ornato. Feito somente em anos de safras excepcionais. Foi o preferido da noite, eleito por unanimidade.


Vinho 5 – Cinqueterre Sciacchetrà


Safra: 2011.
Álcool: 13,5%.
Casta: bosco, albarola e vermentino.
Produtor: Società Agricola Cooperativa Rio Maggiore.
Região: Cinque Terre, Itália (DOC).
Importador: presente de Vera para a confraria.
Valorpresente de Vera para a confraria.
Harmonização no jantar: manjar branco.



cappuccino de funghi, manteiga trufada e perlage di tartufo nero


massa com manteiga e lascas de trufa branca ralada na hora


 pernil de porco assado, acompanhado por batatas coradas e farofa de couscous


manjar branco

Ficou decidido que a primeira reunião de 2014 será com estes mesmos vinhos, oportunidade em que será feita a sessão de degustação antes do jantar, quando poderemos identificar cores, aromas e sabores destes ótimos exemplares do Piemonte.



Um comentário:

  1. Excelente post Leo! Descreve bem a festa dos sentidos que foi a reunião!

    ResponderExcluir